Hi, what are you looking for?

São Paulo

Polícia de SP apreende 1,8 tonelada de cocaína no ABC, avaliada em R$ 800 milhões





Droga estava escondida em chácara em Rio Grande da Serra, de acordo com a Polícia de SP; local era usado para refino do entorpecente



Polícia apreende 1,8 tonelada de cocaína, avaliada em R$ 800 milhões

A Polícia Civil de Rio Grande da Serra, na região do ABC, realizou a apreensão de uma grande quantidade de cocaína na quarta-feira (3). Cerca de 1,8 tonelada da droga estava escondida em uma chácara, na zona rural do município. A droga era avaliada em cerca de R$ 800 milhões caso  fosse exportada para países da Europa ou Ásia.

O local era investigado pelos policiais pela suspeita de funcionar como um “laboratório” para o tráfico. Na quarta (3), os agentes receberam a informação de que haveria drogas no local. Em uma ação coordenada, eles passaram a monitorar o endereço, na Vila Lídia, quando perceberam a aproximação de um veículo, que entrou no imóvel — em uma área de difícil acesso.

Um policial subiu no portão da chácara para observar a movimentação no interior quando foi surpreendido por disparos feitos pelos criminosos. Outros agentes tentaram intervir, mas também foram alvo dos tiros. Os investigadores conseguiram entrar na propriedade, mas quatro criminosos conseguiram fugir para a mata.

A edificação da chácara fica numa área cercada por mata, no nível superior do terreno, que oferece uma visão para a entrada do local. Em dois salões, com diversas salas, os policiais encontraram apetrechos usados para a manipulação de drogas, indicando que o local servia para refinar os entorpecentes.

Na parte de cima da casa, diversos galões contendo líquidos, possivelmente usados no refino da cocaína, foram apreendidos. Em uma sala ao lado, havia 350 tijolos de pasta base. Parte do entorpecente também estava guardada em sacos plásticos.

No piso superior funcionava a área de “produção” e embalo de cocaína e crack, com três máquinas empacotadoras e diversos materiais para manusear e embalar as drogas, indicando que era feito em “larga escala”.

Um cão farejador da Guarda Municipal auxiliou os policiais civis na ocorrência. Na área externa do imóvel, os agentes encontraram no meio da mata uma caixa d’água que era usada para guardar grande quantidade de cocaína em sacos plásticos, aparentando estar pronta para ser embalada.

O Instituto de Criminalística foi acionado ao local, realizando a perícia e recolhendo vestígios para tentar identificar os criminosos que usavam a área. As substâncias encontradas foram pesadas e lacradas. Um celular e o carro que estavam na chácara foram apreendidos também. O caso foi registrado na Delegacia Policial de Rio Grande da Serra. A droga foi encaminhada para a sede do Departamento Estadual de Investigações sobre Entorpecentes (Denarc), da capital paulista.

source
Com informações do Governo de São Paulo

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

You May Also Like

Uncategorized

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Uncategorized

At vero eos et accusamus et iusto odio dignissimos ducimus qui blanditiis praesentium voluptatum deleniti atque corrupti quos dolores.

Uncategorized

Neque porro quisquam est, qui dolorem ipsum quia dolor sit amet, consectetur, adipisci velit, sed quia non numquam eius modi tempora incidunt.

Uncategorized

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque laudantium, totam rem aperiam, eaque ipsa quae.